Associação Catarinense de Preservação da Natureza
Blumenau, 23 de Julho de 2019

NOTÍCIAS

Vista do Monte Roraima compensa frio e 6 dias de caminhada

.: 09 / Set / 2008

Andar pelo menos seis dias, dormir em barracas sob temperaturas de até cinco graus, encarar uma “ladeira” de 2.800 metros de altura e ainda pagar para fazer isso. Para quem já foi ao Monte Roraima, na divisa entre o Brasil, Venezuela e Guiana Inglesa, o sacrifício vale a pena.  

O monte faz parte de um conjunto de montanhas chamadas tepuis, formações em forma de mesa que parecem levantar do solo. Essas montanhas estão entre as mais antigas formações geológicas do planeta. Estima-se que tenham até dois bilhões de anos –para efeito de comparação, a separação dos continentes teve início há cerca de 200 milhões de anos.

Mais do que preparo físico, chegar ao Monte Roraima exige uma boa dose de determinação. O caminho até o monte é plano e a subida é relativamente fácil, já que não necessita de equipamento especial. Uma expedição ao local, porém, só deve ser realizada com guias que conheçam a área ou empresas que organizam grupos para a subida.

Segundo o arqueólogo Ari Silva, que trabalhou no plano de manejo do Parque Nacional do Monte Roraima na década de 1990, o tempo ideal para uma expedição deve ser dez dias. “Nas expedições de seis dias, a gente anda três para ir, sobe, desce correndo. A gente fica quebrado”, disse.

Com dez dias, é possível andar pelo platô, que tem 90 quilômetros de extensão, e apreciar vista, flora e fauna do local, diz. No monte há várias espécies únicas de bromélias e orquídeas, pássaros e alguns mamíferos. Para quem não se importa com o frio, há muitas cachoeiras pelo caminho e até um lago, visitado por periquitos australianos no verão, segundo Silva.

Roteiro - Apesar de também estar no Brasil, o acesso ao Monte Roraima é feito pelo lado venezuelano. Para iniciar a expedição, é preciso pagar uma série de taxas, para recolhimento de lixo e ao Inpaq, espécie de Ibama da Venezuela, responsável pela administração dos parques do país vizinho.

Nas expedições que organiza, Silva estabelece como ponto de parada no primeiro dia o Rio Paratepui. No segundo dia, a parada é no Rio Kukenã, nome do tepui vizinho do Monte Roraima. No terceiro dia, já no acampamento-base, tem início a subida.

Para quem não tem pressa em chegar ao topo, uma boa dica é dormir durante a subida nos “hotéis” do caminho –grutas em que cabem até 25 barracas. Essa é uma forma de apreciar as formações de pedra do Monte Roraima. Entre as formações mais famosas estão as rochas que lembram figuras de animais e até de pessoas (veja a galeria).

Para a produtora rural Magali Kolmer, que subiu o monte no começo do ano, o lugar é um dos mais bonitos em que já esteve. “A vista é linda, mas faz um frio!”, disse. Ela esteve no Roraima em uma expedição de seis dias organizada por uma empresa venezuelana. “Foi maravilhoso.”

Fonte: Fausto Carneiro/ G1


OUTRAS NOTÍCIAS

» Ver todas as noticias de Abril/2016
» Ver todas as noticias de Junho/2015
» Ver todas as noticias de Abril/2015
» Ver todas as noticias de Março/2015
» Ver todas as noticias de Janeiro/2015
» Ver todas as noticias de Outubro/2014
» Ver todas as noticias de Julho/2014
» Ver todas as noticias de Junho/2014
» Ver todas as noticias de Maio/2014
» Ver todas as noticias de Abril/2014
» Ver todas as noticias de Março/2014
» Ver todas as noticias de Fevereiro/2014
» Ver todas as noticias de Dezembro/2013
» Ver todas as noticias de Novembro/2013
» Ver todas as noticias de Setembro/2013
» Ver todas as noticias de Agosto/2013
» Ver todas as noticias de Julho/2013
» Ver todas as noticias de Junho/2013
» Ver todas as noticias de Maio/2013
» Ver todas as noticias de Abril/2013
» Ver todas as noticias de Abril/2012
» Ver todas as noticias de Fevereiro/2012
» Ver todas as noticias de Janeiro/2012
» Ver todas as noticias de Junho/2011
» Ver todas as noticias de Maio/2011
» Ver todas as noticias de Abril/2011
» Ver todas as noticias de Março/2011
» Ver todas as noticias de Fevereiro/2011
» Ver todas as noticias de Janeiro/2011
» Ver todas as noticias de Dezembro/2010
» Ver todas as noticias de Novembro/2010
» Ver todas as noticias de Outubro/2010
» Ver todas as noticias de Setembro/2010
» Ver todas as noticias de Agosto/2010
» Ver todas as noticias de Julho/2010
» Ver todas as noticias de Junho/2010
» Ver todas as noticias de Maio/2010
» Ver todas as noticias de Abril/2010
» Ver todas as noticias de Março/2010
» Ver todas as noticias de Fevereiro/2010
» Ver todas as noticias de Janeiro/2010
» Ver todas as noticias de Dezembro/2009
» Ver todas as noticias de Novembro/2009
» Ver todas as noticias de Outubro/2009
» Ver todas as noticias de Setembro/2009
» Ver todas as noticias de Agosto/2009
» Ver todas as noticias de Julho/2009
» Ver todas as noticias de Junho/2009
» Ver todas as noticias de Maio/2009
» Ver todas as noticias de Abril/2009
» Ver todas as noticias de Março/2009
» Ver todas as noticias de Fevereiro/2009
» Ver todas as noticias de Janeiro/2009
» Ver todas as noticias de Dezembro/2008
» Ver todas as noticias de Novembro/2008
» Ver todas as noticias de Outubro/2008
» Ver todas as noticias de Setembro/2008
» Ver todas as noticias de Agosto/2008
» Ver todas as noticias de Julho/2008
» Ver todas as noticias de Junho/2008
» Ver todas as noticias de Maio/2008
» Ver todas as noticias de Abril/2008
» Ver todas as noticias de Março/2008
» Ver todas as noticias de Fevereiro/2008
» Ver todas as noticias de Janeiro/2008
» Ver todas as noticias de Dezembro/2007
» Ver todas as noticias de Novembro/2007
» Ver todas as noticias de Outubro/2007
» Ver todas as noticias de Setembro/2007
» Ver todas as noticias de Agosto/2007
» Ver todas as noticias de Julho/2007
» Ver todas as noticias de Junho/2007
» Ver todas as noticias de Maio/2007
» Ver todas as noticias de Abril/2007
» Ver todas as noticias de Março/2007
» Ver todas as noticias de Fevereiro/2007
» Ver todas as noticias de Janeiro/2007
....................................................................................................................................................
Acaprena - Associação Catarinense de Preservação da Natureza
Rua Antônio da Veiga, 140 - Sala D107 - Victor Konder - Blumenau - SC
Fone: (47) 3321-0434 - E-mail: contato@acaprena.org.br

....................................................................................................................................................